Volta dos Penedos

Na última semana fomos até ao conjunto de rocha quartzítica, no vale de Vila Nova do Ceira, desta feita fomos ao início da crista que atravessa a nossa zona, nos Penedos de Góis.

Inicialmente estava previsto irmos ao Carvalhal do Sapo, ainda fomos até às Cabeçadas, onde fizemos o primeiro reforço, no café da zona. Daqui decidimos voltar para trás (2-3 kms) para irmos aos Penedos.

A 1040 m de altitude podemos deslumbrar-nos com a vista beirã sobre a Serra da Estrela, Serra do Açor e Serra do Trevim.Miniaturas

A magnificência destas maravilhas da natureza, impressiona! Ainda levámos as bikes (às costas) até ao topo para ver se encontrávamos alguns trilhos até lá em baixo, mas a vegetação alta e densa tornou impossivel a descida por esse lado. Lá em cima “perdemo-nos” com a vista, escalámos uma das rochas e a paisagem…só indo lá! O céu limpo ajudou e de que maneira, Stº António foi nosso amigo.

Descida aos Povorais para novo reforço e dois dedos de conversa com 3 habitantes locais antes de iniciarmos a descida até à Pena, por um dos caminhos pedestres. O trilho tem muita rocha solta, fetos da nossa altura que por vezes torna a visibilidade do chão Telhados da Penapraticamente nula , obrigando a um pouco de “PTT” e alguma paciência, a queda era inevitável, desta vez foi o Joãozito (pensavas que aquilo era uma sanita?!).

Da Pena fomos até Góis, por alcatrão e parte por terra, descida ao castelo de Góis. Antes de chegarmos a casa ainda houve tempo para bebermos um copo no Restaurante do Beira Rio.

Foram 42 kms bem puxados, com um acumulado de quase 1200 mts e com um dia de fazer inveja a muitos dias de Agosto. No final conta o convívio entre os bttistas, a paisagem e o desafio superado. Para a semana há passeio em Serpins com boa comida e bom vinho…

Boa semana e boas pedaladas 🙂

Artigos relacionados: Fotos Track Gps Video

Tracker: Volta_dos_Penedos.gpx.gpx

Share Button
Bookmark the permalink.

Comments are closed